44 | 3127-2700

Notícias - Ferrugem da soja é a maior preocupação para os produtores rurais, devido à severidade

Notícias » Notícias » Ferrugem da soja é a maior preocupação para os produtores rurais, devido à severidade

Ferrugem da soja é a maior preocupação para os produtores rurais, devido à severidade

  • 02/07/2018

A ferrugem asiática da soja, causada pelo fungo Phakopsora pachyrhizie, é uma das doenças de maior importância da cultura da soja na atualidade, pelo grande potencial de perdas na produtividade. Originária da Ásia onde, ocorre em diversos países da Ásia e na Austrália. Além da ferrugem asiática, a soja pode ser atacada pela ferrugem americana causada por Phakopsora meibomiae, sendo esta sem importância econômica.

A severidade da doença está em função das variações nas condições do ambiente, de ano para ano, estação para estação e de local para local. A concentração inicial de inoculo não reflete na severidade da doença. Cultivares resistentes ou tolerantes sofrem quedas de produção bem menores do que as suscetíveis, porém a resistência genética pode ser perdida com o tempo. Além disto, as cultivares resistentes não são necessariamente as mais produtivas.


Eduardo Goulart, Engenheiro Agrônomo da Bayer, afirma que nesta safra 2017/2018, os problemas nas lavouras vieram mais cedo. Os primeiros focos de doenças começaram no início de dezembro de 2017, já na última safra 2016/2017, começou no início de janeiro. Como consequência da contaminação precoce, a ferrugem acaba atingindo uma intensidade final maior, devido ao tempo prolongado que teve para se desenvolver e assim trazendo prejuízos ainda maiores. 

Goulart ainda ressalta a importância de percepção do melhor momento de aplicação do fungicida nas plantas , ou seja, uma soja com 35 a 40 dias o produtor consegue ter uma cobertura completa, o produtor precisa ter orientação para que estes prazos sejam respeitados e conseguir proteger a sua lavoura. 

Fonte: Agrolink