Compartilhar:

As chuvas se persistirem podem atrapalhar a semeadura do milho safrinha 2016/2017 dentro da janela de ideal, que encerra na próxima semana. Os produtores mato-grossenses têm praticamente 40% da área destinada ao cereal para plantar em praticamente uma semana.

Mato Grosso até o dia 17 de fevereiro semeou 58,38% dos 4,420 milhões de hectares destinados ao milho nesta safrinha 2016/2017. A princípio, conforme apontado em dezembro pelo Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), são esperadas 25,037 milhões de toneladas de cereal no Estado.]

O levantamento mais recente de plantio do milho mostra que o Médio-Norte é o mais avançado com 76,52% de seus 1,890 milhão de hectares semeados, enquanto o Centro-Sul é o mais "atrasado" com 40,56%.

Segundo especialistas, o plantio fora da janela ideal, que encerra no próximo dia 28 de fevereiro, pode trazer menos produtividade para a cultura.